• Atendimento
  • Portal Geográfico
  • Banner COVID19
  • Banner Emprego OAZ
  • Banner Medidas Emergência
  • Banner Estamos on
  • Banner Por um país com bom ar
  • Banner Andante
  • Banner Arquivo municipal digital
  • Banner Memórias OAZ
  • Banner IFRRU
  • Banner Portugal 2020
  • Banner A minha rua
  • Banner INDAQUA

Dia Mundial do Ambiente

Oliveira de Azeméis

O Ambiente, tal como a paz, a economia, a sociedade e a democracia, comanda todos os aspectos do desenvolvimento e tem um impacte sobre todos os países.

O seu estado é uma medida importante de desenvolvimento e, neste sentido, a sua preservação deve ser, para todos, uma preocupação constante. Para isso, são necessárias politicas que tenham em conta a questão do ambiente. Preservar os recursos naturais e racionalizar o seu uso figuram entre os problemas mais urgentes que os indivíduos, as sociedades e os Estados têm de enfrentar.

No campo do desenvolvimento, cada sociedade deve utilizar os seus recursos naturais, procurando encontrar um equilíbrio entre necessidades e interesse antagónicos e satisfazer o que é indispensável na economia e na sociedade, sem comprometer a existência desses recursos a longo prazo, nem a viabilidade dos ecossistemas de que dependem as gerações presentes e vindouras.

A degradação do ambiente reduz a qualidade e quantidade de muitos dos recursos utilizados directamente pelas populações. A poluição das águas prejudica as pescas; o aumento da salinidade e da erosão das terras aráveis reduz os rendimentos agrícolas; a degradação da agricultura e a desflorestação agravam a seca e a erosão do solo que estão na origem da fome.

Para melhorar a gestão do ambiente, é preciso que as empresas, os agregados familiares, a comunidade e os governos modifiquem o seu comportamento.

É necessário, adoptar políticas específicas que assegurem o respeito pelo ambiente, para que se dê um desenvolvimento ecologicamente racional.

Criado em 5 de Junho de 1972, pela Assembleia Geral da ONU, o Dia Mundial do Meio Ambiente, foi o marco da abertura de uma Conferência sobre Meio Ambiente, ocorrida naquele ano em Estocolmo – Suécia. Foi o primeiro passo para que a ONU e os governos de diversos países evidenciassem a necessidade de se prestar mais atenção ao meio ambiente e nos resultados que a poluição desenfreada ocasionava na natureza.

Desde então, anualmente o Dia Mundial do Meio Ambiente é lembrado em todo o mundo.

Entretanto muito ainda há que ser feito pelo meio ambiente. Há muito ainda a ser abordado, e há muito a se divulgar sobre poluição, meio ambiente, reciclagem, economia de água, emissão de CO2 e outros.

É necessário uma consciencialização maior da população mundial quanto à necessidade de se preservar o meio ambiente.

É egoísmo pensarmos que só estaremos aqui no máximo mais meio século, afinal deixaremos aqui os nossos filhos, os nossos netos, bisnetos e assim por diante. São eles que vão herdar um planeta Terra devastado pela ambição desmedida do Homem, por isso devemos ensiná-los desde pequenos a economizar água, reciclar o lixo, cuidar das plantas, etc., para que efectivamente doravante tenhamos todos os dias dedicados ao Dia Mundial do Ambiente e não só o dia 5 de Junho de cada ano.

A Divisão do Ambiente e Serviços Urbanos, no presente ano, assinalou esta data da seguinte forma:

Objectivos: Promoção de iniciativas que transmitam mensagens ambientais, de forma ao público-alvo alterar as suas atitudes comportamentais, contribuindo para um desenvolvimento sustentável.

Desenvolvimento no Parque Temático Molinológico de iniciativas de cidadania, culturais e tradicionais através da visita pelo parque, promovendo-se o contacto com os recursos naturais, visitas ao núcleo museológico, aos moinhos onde se poderá observar o método tradicional de moagem, o fabrico do pão e ao cidadómetro, que irá medir o nível de cidadania de cada utente.

Impulsionar a consciencialização ambiental da família, juntamente com as crianças e jovens.

Com a inserção das temáticas ambientais nos programas escolares, as crianças e jovens estão cada vez mais sensíveis para as problemáticas ambientais e danos na natureza devido à incorrecta acção humana. No entanto, esta consciencialização nem sempre é transversal à família que rodeia a criança/jovem, situação que gera conflitos de interesses e inter-geracional.

Para cumprimento dos objectivos propostos lançamos um desafio à comunidade em geral, para, em família, descobrirem o Parque Temático Molinológico através do concurso fotográfico “A minha Família na Natureza”.

Conforme determinado no Regulamento do Concurso “Em Ambiente Familiar…O PTM vamos Fotografar”, a família participante entregou, no dia 25 de Junho de 2010, o trabalho elaborado em tamanho A3, segundo o conteúdo estabelecido no mesmo Regulamento, que passamos a transcrever:

1. No decorrer da visita ao PTM as famílias deverão efectuar um registo fotográfico ao longo de todo o percurso do parque e das actividades que visitarem.

2. As fotografias deverão explorar as temáticas da natureza, da biodiversidade, da cultura e da tradição do PTM, podendo nestas estar incluídas imagens de árvores, flores, paisagens, plantas, aves, animais, áreas preservadas e património existente, etc. As imagens deverão ser exclusivamente alusivas ao PTM.

3. Em casa, a família deverá ter por base o mapa do PTM e seleccionar as fotografias da visita distribuindo-as ao longo de todo o percurso de forma a criarem um Roteiro Ambiental do PTM.

4. O trabalho final deverá ser apresentado sob a forma de um cartaz onde incluam o trabalho realizado no ponto anterior e no qual cada fotografia deverá conter um título que identifique uma característica ambiental e/ou cultural e/ou tradicional que a família considere relevante e de interesse.

5. O tamanho mínimo do cartaz deverá ser uma página A3, não podendo exceder o tamanho A2.

6. Cada trabalho deverá coner um pseudónimo. Deverá ainda ser acompanhado de um envelope fechado onde conste a identificação da família concorrente: nomes, morada e telefone de contacto.

O prémio do concurso, que foram 5 bilhetes para visitar o SEA Life Porto, cedidos gratuitamente por essa instituição, foi entregue à Família Ferreira no dia 19 de Setembro de 2010 no âmbito da Semana Europeia da Mobilidade.

GALERIA DE IMAGENS
  • Registo fotográfico da actividade
  • Registo fotográfico da actividade
  • Registo fotográfico da actividade
  • Registo fotográfico da actividade
  • Registo fotográfico da actividade
  • Registo fotográfico da actividade
  • Registo fotográfico da actividade
  • Registo fotográfico da actividade
  • Registo fotográfico da actividade
  • Exposição do trabalho vencedor
  • Entrega do prémio à família vencedora
  • Facebook Instagram Twitter Iporto - Agendas IPORTO
  • Azeméis Educa Arquivo Municipal Biblioteca Municipal Ferreira de Castro Centro Lúdico de Oliveira de Azeméis Loja Ponto Ja
  • Piscina Municipal de Oliveira de Azeméis Parque de La Salette Parque Temático Molinológico Academia de música Centro de Línguas de Oliveira de Azeméis
Valid XHTML 1.0 Transitional CSS válido! Level Triple-A conformance icon, W3C-WAI Web Content Accessibility Guidelines 1.0 Símbolo de Acessibilidade à Web
CM Oaz - Todos os direitos reservados Largo da República, 3720-240 Oliveira de Azeméis [email protected]