• Atendimento
  • Portal Geográfico
  • Imprensa
  • Banner Arquivo municipal digital
  • Banner Memórias OAZ
  • Banner Orçamento Participativo Portugal
  • Banner IFRRU
  • Banner Portugal 2020
  • Banner A minha rua
  • Banner INDAQUA

Autarquia quer controlar a vespa asiática do concelho

Data: 15/12/2017
Oliveira de Azeméis
Vespa Asiática

A existência da vespa asiática tem deixado as populações preocupadas exigindo uma intervenção pronta e eficaz para a destruição dos ninhos que, em todo o concelho, somam já quase as duas centenas. Em todas as freguesias regista-se a existência de ninhos, com Cucujães (25 ocorrências) a liderar a lista dos 194 ninhos conhecidos pelo concelho.

As freguesias de Oliveira de Azeméis (22), Palmaz e Ossela (ambas com 18 ninhos) são as localidades que se seguem numa lista onde nenhuma freguesia fica de fora.

Face à dimensão da praga asiática, que é um risco para a saúde e para a prática da apicultura, a autarquia solicita a atenção dos munícipes para o aparecimento de ninhos, reportando as situações junto dos serviços camarários.

A vespa asiática, ou vespa velutina, é uma vespa de grandes dimensões (pode atingir os 3,5 cm) predadora da abelha europeia tendo sido confirmada a sua presença em Portugal em 2011.

Não fosse o facto desta espécie ser nociva para a saúde pública e para a apicultura e certamente não se justificariam situações de alarme junto das populações.

Mas a verdade é que a vespa asiática constitui um risco sendo que é entre os meses de junho e setembro que ela exerce maior poder predador, associado ao crescimento dos ninhos, pelo que o crescimento exponencial da colónia no verão e outono está relacionada com ataques a apiários da abelha europeia.

A vespa asiática não é considerada mais perigosa que as restantes vespas autóctones para os seres humanos mas quando sentem os seus ninhos ameaçados reagem de forma bastante agressiva.

A vespa asiática tem corpo castanho-escuro ou preto, aveludado, delimitado por uma faixa fina amarela e com um único segmento abdominal amarelado-alaranjado, o que torna difícil de a confundir com qualquer outra espécie.

Os ninhos têm forma arredondada, ou em formato de pera, com uma abertura semelhante a uma saída lateral, podendo atingir um metro de altura e cerca de 50-80 cm de diâmetro sendo geralmente construídos em árvores.

Por ser um risco para a saúde pública, a Câmara de Oliveira de Azeméis está atenta a ameaças da vespa asiática solicitando a quem detetar este inseto, ou a existência de ninhos, que contacte com a autarquia de forma que as situações sejam encaminhadas para equipas especializadas no controlo dessa espécie invasora.

O que não fazer:

• Destruir os ninhos com armas de fogo (por ex. armas de caça)
• Destruir parcialmente os ninhos (independentemente do método)

Estas ações disseminam as vespas que podem vir assim a constituir novos ninhos.

Como comunicar a presença de ninhos:

Presencial no Atendimento ao Munícipe
Email: [email protected]
Telefone: 256 600 600
N.º Verde: 800 256 600 (grátis)

  • Casa Museu Ferreira de Castro Iporto - Agendas Cineteatro Caracas Concurso de Música Terras de La Salette IPORTO
  • Facebook Centro Lúdico de Oliveira de Azeméis Centro de Línguas de Oliveira de Azeméis Arquivo Municipal Academia de música
  • Piscina Municipal de Oliveira de Azeméis Azeméis Educa Twitter Parque Temático Molinológico Parque de La Salette
  • Loja Ponto Ja Biblioteca Municipal Ferreira de Castro Galeria Tomás Costa
Valid XHTML 1.0 Transitional CSS válido! Level Triple-A conformance icon, W3C-WAI Web Content Accessibility Guidelines 1.0 Símbolo de Acessibilidade à Web
CM Oaz - Todos os direitos reservados