• Atendimento
  • Portal Geográfico
  • Banner COVID19
  • Banner Medidas Emergência
  • Banner Estamos on
  • Banner Por um país com bom ar
  • Banner Andante
  • Banner Arquivo municipal digital
  • Banner Memórias OAZ
  • Banner IFRRU
  • Banner Portugal 2020
  • Banner A minha rua
  • Banner INDAQUA

Laboratório “Pingote” ensina a importância da água a 1 200 crianças

Data: 06/02/2020
Oliveira de Azeméis

É possível ensinar, de forma divertida, a importância que a água tem para o planeta e para o quotidiano das pessoas? Sem dúvida que sim e é isso que a Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis tem vindo a fazer desde o ano letivo 2009/2010 junto de crianças de jardins-de-infância e escolas do primeiro ciclo do concelho com o Laboratório “Pingote”.

Ensinar conceitos curriculares associados à temática da água, despertar e desenvolver a curiosidade e o sentido de observação através de experiências científicas simples são algumas das ideias subjacentes ao projeto que, este ano, abrange 1 254 alunos de 59 turmas de jardins-de-infância e escolas básicas.

“Este é um projeto que tem como objetivo, através da simples experimentação científica, transmitir às crianças a relevância que a água tem no seu dia-a-dia, alertar para a necessidade de racionalizar o seu consumo, além de incutir nelas uma explicação racional para o que observam à sua volta”, afirma o presidente da Câmara, Joaquim Jorge.

O projeto assenta em minilaboratórios instalados em sala de aula usando meios e materiais simples e reutilizáveis com os quais são realizadas experiências onde são explicados conceitos dos conteúdos curriculares utilizando como recurso principal a água.

Para que as crianças fiquem entusiasmadas com as descobertas que vão fazendo, o laboratório recorre à colaboração de várias “gotas assistentes” consoante o que se quer abordar e transmitir.

Através de experiências, estas “cientistas” ajudam os mais pequenos a descobrir respostas para muitas questões relacionadas com a água e a própria ciência.

Para abordar o conceito da pressão atmosférica entra em cena a gota “Gotilde”. A sua colega “Gota Fenomenal” também dá uma ajudinha se os conceitos a transmitir forem, por exemplo, a superfície curva, o sifão, a refração ou a tensão superficial.

Já o “Goteco”, que gosta muito de flutuar e afundar objetos na água, explica às crianças que nem todos os objetos têm o mesmo comportamento na água.

Também a “Vovó Gota” dá uma ajuda nas experiências em sala de aula relatando histórias do tempo em que não havia poluição nem perigo para se beber água das fontes ou nadar no rio.

As crianças dos jardins-de-infância vão poder aprender com a gota “Tinoca” no laboratório onde as atividades realizadas são decididas por cada educador.

E porque é importante beber água com qualidade, a “Gota Analítica” explicará as formas de análise básicas à qualidade da mesma. Já a sua colega “Gota Movimentada” promete que, com ela, as crianças vão pôr a água a circular.

As experiências são muitas sendo possível realizar até ao máximo de três nos jardins-de-infância e até ao máximo de cinco nas escolas básicas.

O Laboratório “Pingote” integra o Plano de Educação Ambiental para a Sustentabilidade 2019/2020, da responsabilidade do Núcleo de Competências de Ambiente e Conservação da Natureza da Câmara de Oliveira de Azeméis.

GALERIA DE IMAGENS
  • Facebook Instagram Twitter Iporto - Agendas IPORTO
  • Azeméis Educa Arquivo Municipal Biblioteca Municipal Ferreira de Castro Centro Lúdico de Oliveira de Azeméis Loja Ponto Ja
  • Piscina Municipal de Oliveira de Azeméis Parque de La Salette Parque Temático Molinológico Casa Museu Ferreira de Castro Academia de música
  • Centro de Línguas de Oliveira de Azeméis
Valid XHTML 1.0 Transitional CSS válido! Level Triple-A conformance icon, W3C-WAI Web Content Accessibility Guidelines 1.0 Símbolo de Acessibilidade à Web
CM Oaz - Todos os direitos reservados Largo da República, 3720-240 Oliveira de Azeméis [email protected]